terça-feira, 17 de maio de 2011

Padrão de vida versus qualidade de vida


Li essa postagem de um blog e achei muito importante deixá-la registrada aqui. Trata-se da distinção entre padrão de vida e qualidade de vida. É difícil mostrar para quem só conhece a realidade brasileira que são dois conceitos distintos. Pior ainda é querer convencer alguém de que pode ser um excelente negócio abrir mão do padrão de vida que tínhamos no Brasil para ter a qualidade de vida daqui, principalmente quando se valoriza muito o status social.

Digo uma coisa que pode ser chocante para alguns: não troco a nossa vida daqui morando em um apartamento da década de 60, com apenas um carro que foi o mais barato que existia, indo trabalhar de bicicleta ou ônibus e fazendo todas as tarefas de casa sozinhos pela vida de empresário que morava em apartamento novo e pomposo em bairro nobre de Fortaleza, com dois carros e empregada. Não me arrependo nem um minuto dessa troca! E digo mais! Poderíamos ter dois carros que são considerados de luxo no Brasil, pois aqui eles custam entre metade e um terço dos carros brasileiros e a gasolina pura daqui custa muito menos. Mas vou continuar indo ao trabalho de ônibus por opção, aproveitando também que ninguém aqui me julga por isso e sim pelo que sou! Aproveito para ler e se quiser, tenho o direito de ouvir música e até de usar o laptop dentro do ônibus sem riscos como os outros fazem.

Minha postura agora é de que para achar melhor o Canadá que o Brasil, tem que ter sintonia com a cultura e estilo de vida daqui. Senão, o Brasil vai ser realmente a melhor opção, principalmente para quem visa o padrão de vida. Mas se quiser ter qualidade de vida sem se importar com o padrão de vida, o lugar é aqui mesmo!

12 comentários:

  1. Nunca liguei p/ padrão de vida. Mesmo tendo condições de ter um padrão um pouco melhor aqui no Brasil eu renunciei a isso devido a várias razões. Espero chegar a conclusão que a troca de país valeu a pena quando estiver aí também!

    ResponderExcluir
  2. Meu amigo Alexei. Esse tipo de arrependimento nunca teremos também. Qualidade de vida sempre em primeiro lugar.

    E a vida segue...

    ResponderExcluir
  3. Comentário muito pertinente! Aqui no Brasil, sendo de classe média alta, tem-se um padrão de vida muito bom.. carros, boa casa, comer em bons restaurantes. Mas............. Aqui não se pode penser em usar.. aliuás, nem carregar o laptop usando ônibus, porque é pedir para ser roubado. Se usa ônibus para ir trabalhar, é um otário, perdedor... Bicicleta? Esquece... vai ser roubada em frente ao seu trabalho. E os valores? Aqui, o valor é a lei de Gérson... vc tem que levar vantagem em tudo.

    ResponderExcluir
  4. Realmente estamos cansados com a lei do mais esperto. A lei do, "se não levou vantagem é otário". Estou exausta de "fazer aos outros oq gostaria que fizessem à mim e minha família", e na maioria das vezes ter o exato inverso. Ou até o contrário "ñ faça aos outros oq ñ gostaria que fizessem contigo" e ser encarada como a bobona.
    E pensando bem, de que adianta ter carros, apartamentos em bairros nobres, e várias outras coisas e não poder ter o sossego merecido de criar a própria família com um cadinho de dignidade, sem ter que ensinar aos filhos e crianças próximas os "perigos" de brincar no parque e no pátio das escolas públicas e privadas nesse país.
    Por isso estou certa de que terei meus filhos fora desse país.
    Brasil somente para visitar família e amigos que por aqui ficarem.
    Desculpe o desabafo e o comentário imenso.
    Abs, Silvania.

    ResponderExcluir
  5. Padrão de vida no Brasil, para que? para ser assaltado? para dar uma camera digital de presente para um filho e o mesmo ser assassinado, pq alguém quer roubar a camera para trocar por dois papelotes de cocaína???

    ah, Brasil é enojante, lugarzinho podre, o que salva o Brasil é que alimenta o mundo, água potável e só! de resto... melhor deixar para lá, melhor coisa que fez foi levar sua família para o Canadá, isso é uma prova de amor... de querer crescer, recomeçar, ser grande, cada vez maior...

    felicidades, sorte e sucesso

    ResponderExcluir
  6. Ótimo post Alexei,

    Acredito que todos, ou pelo menos boa parte, das pessoa que imigram ou pensam em imigrar buscam tudo isso que você citou no post, a verdadeira qualidade de vida. Aqui no Brasil, infelizmente, somos valorizados pelo que temos e não pelo que somos.

    abraços

    Julian

    ResponderExcluir
  7. Boa tarde Alexei,antes de mais nada parabéns pelo Blog, acompanho vários , mas o de vcs com certeza é que, para mim, melhor descreve a vida em "terras geladas".Estou no processo junto com minha esposa e tres filhos ( 13,11 e 1). Final de agosto iremos eu e minha esposa realizar um curso em Montreal ( YMCA ) e vamos aproveitar para conhecer a região, Trois Riviere , Ville de Quebec,..., que é a principio, para onde queremos ir. Abaixo segue meu e-mail para se possível vc nos passar informações sobre escolas para as crinças ( penso em visitar algumas, para somar no processo), hotéis para fim de semana( para esta ida em setembro), e mantermos contato, o que para quem esta no processo vc sabe ser muito bom.No Brasil nós estariamos em extremos opostos ( sou do sul -RS )mas se tudo der certo final de 2012 seremos vizinhos, hehehe.
    Um abraço, sucesso, saúde paz para vc e sua família.
    e-mail = betomirco@sinos.net

    ResponderExcluir
  8. Boa noite Alexei, achei o teu blog excelente, ele fala de tantas coisa interessantes e que ajudam a quem quer ou está no processo de imigração.Me identifiquei muito com sua família, por está numa situação parecida com a de vcs aqui no brasil, trabalho legal, casa , carro....mas, o medo da violência no brasil (sou de recife, uma das capitais mais violentas do país), a corrupção desenfreada, a educação capenga que a gente paga caro por ela e etc empurram a gente para fora do país.Além do mais sou Enfermeira, uma das profissões em evidência no momento, gostaria muito de contato com vcs, pois todas as pessoas que conheço quando pergunto sobre como é viver aí são muito evasivas, aí eu penso, ou é muito bom ,ou o cara não que dizer nada que é pra não pesarem, fez a maior besteira em ter ido para lá.achei seu blog muito consistente e se trata de um casal com filhos pequenos , temos duas filhas, 05 e 04 anos.Bom Alexei, poderia passar anoite toda lendo seu blog, mas não dá e o comentário vai virar jornal.deixo meu e-mail para se possível fazer contato. Obrigadae muito sussesso e felicidade para sua família. e-mail: paula_mangueira@hotmail.com

    ResponderExcluir
  9. Caro Alexei, achei ótimo este post. Trabalho numa grande empresa aqui
    no Brasil hoje, e possuo um certo padrão de vida. Estou iniciando o
    processo agora e muitos de meus familiares (os que sabem de minha
    intenção de imigrar) me acham um louco por querer ir para o Canadá, o
    pensamento é : "você ganha bem, está bem na empresa, vai largar tudo
    para algo incerto?". Sempre respondo que minha meta é qualidade de
    vida, mas concordo que no Nrasil é dificil das pessoas entenderem este
    conceito. Enfim, agora é continuar o processo e em breve atingir o
    objetivo esperado.

    No mais, gostaria de elogiar seu blog, muito informativo e
    esclarecedor, leio sempre. Recomendo ele para conhecidos que desejam
    imigrar. Desejo a você e a sua familia muito sucesso em suas vidas.

    Abraço

    ResponderExcluir
  10. Valeu, Cara. Show esse seu comentário. Wladmir de Paula Recife-PE. wlad.vet@gmail.com

    ResponderExcluir
  11. Mestre Alexei, vosso blog tem ajudado bastante os que estao no processo, na escolha por um lugar para se instalar, sou de recife, area de TI tb, devo chegar por ai ainda esse ano ... tava querendo tirar umas duvidinhas bestas ctgo, se puder me passar teu email no avsjrmtl@gmail.com

    Muito Obrigado

    ResponderExcluir